Esquenta disputa por cargos na Mesa da Alepe

Publicado em 08/01/2019 às 16h00

A cerca de um mês da eleição para a nova Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Pernambuco, a possibilidade de um bate-chapa por dois importantes cargos é grande. O clima esquentou e a disputa na bancada do PSB está pegando fogo – são seis deputados querendo duas vagas. Depois de três socialistas lançarem suas candidaturas à Primeira-Secretaria (Clodoaldo Magalhães, Isaltino Nascimento e Francismar Pontes), outros três parlamentares do partido estão de olho na Primeira Vice-Presidência: Simone Santana, Aglailson Victor e Diogo Moraes, que, ontem, anunciou publicamente que está no páreo.

As articulações neste mês de recesso não param. Cada postulante se movimenta como pode em busca do voto. Tem gente fazendo reunião, almoço, conversas ao pé do ouvido, mandando mensagens no WhatsApp. Vale tudo até fevereiro. A coluna passou esses dias ouvindo deputados em reserva para saber como anda a corrida. O apurado é que Simone Santana e Clodoaldo Magalhães estão na frente. Mas os parlamentares lembraram que Isaltino Nascimento, muito bem relacionado na Casa, não pode ser descartado.

Se no principal partido do governo a disputa está quente, na oposição a concorrência tem tudo para esquentar também. É que os deputados eleitos Manoel Ferreira e Guilherme Uchoa Júnior estão de olho na vaga que será reservada ao PSC, provavelmente a Segunda-Secretaria. É importante salientar que, mesmo filiado à legenda, Uchoa Júnior não deve fazer oposição ao governador Paulo Câmara. A outra vaga da oposição será de Álvaro Porto.

Os deputados ouvidos pela coluna ponderam, no entanto, que há a possibilidade de uma composição entre os pares em todos os cargos onde há mais de uma candidatura colocada. O objetivo é evitar novos degastes para a Casa. Eles argumentaram, ainda, que o Palácio não deve interferir na eleição, deixando para os próprios parlamentares a resolução das disputas. Até fevereiro, muita água ainda vai rolar pode debaixo dessa ponte.

Unanimidade – Ao contrário dos outros cargos da Mesa Diretora da Alepe, a presidência da Casa está assegurada para o deputado Eriberto Medeiros, que tem a simpatia e a confiança dos pares. Depois de uma passagem interina de Cleiton Collins pelo cargo, Eriberto substituiu Guilherme Uchoa, que faleceu em julho passado. Rapidamente ganhou a simpatia dos colegas e segue para uma reeleição tranquila.
 

Audiência – O governador Paulo Câmara pediu uma audiência com o novo presidente ainda para o mês de janeiro. O socialista quer discutir com Bolsonaro temas como os desenvolvimentos social, econômico e hídrico do estado. Na pauta, a situação da Chesf, a Transposição do São Francisco e a Transnordestina.

Prestígio – Bastante prestigiada a transmissão de cargo na Secretaria de Governo do Recife, ontem. João Guilherme Ferraz assumiu a principal pasta da gestão Geraldo Júlio com a missão de aumentar a proximidade do governo com lideranças comunitárias e com os munícipes, sobretudo. Para o lugar de João no Gabinete de Projetos Especiais, o escolhido foi o advogado Adelmar Santos, o Dema.

É nepotismo, meu fi... – Araripina é uma festa mesmo. Depois de um espaço público municipal ter sido usado para um show erótico, agora o prefeito Raimundo Pimentel recebeu uma singela determinação do MP para exonerar todos os comissionados que tenham parentesco com ele ou outros ocupantes de cargos de destaque. A conversa lá é que a senhora dona Volusa Batista, mãe do vice Bringel Filho, é nomeada na Secretaria da Mulher. Aí é nepotismo, meu fi...
 

CURTAS

Ô LOCO, MEU! – Depois de criticar Bolsonaro, o apresentador Fausto Silva fez um vídeo de celular onde jurou de pé junto que não criticou o Jair, nem “no pessoal” e nem “no profissional”. Vai ver Faustão ficou com medo de receber um tuíte ameaçador de Carluxo, o filho “02” do presidente, seu cão de guarda. “Essa fera aí, meu”!

MESMICE – Ficou um tanto óbvia a logomarca do Governo Bolsonaro. O mesmo pode ser dito do slogan “Pátria Amada, Brasil”. Pouca criatividade, zero novidade. Parece que os publicitários fizeram a toque de caixa. Em se tratando da mais importante esfera de poder do país, haveria que se ter mais cuidado. 

MULTA – O prefeito de São José do Belmonte, Romonilson Mariano, levou foi uma multa. E não foi do Detran, não. Pior: veio do Tribunal de Contas do Estado, pela contratação irregular de 153 funcionários admitidos pela prefeitura ainda em 2017.

Perguntar não ofende: Paulo Guedes jura mesmo que a equipe de Bolsonaro é sintonizada ou estava tirando uma onda?

Por Arthur Cunha – especial para o blog.

Fonte : Blog do Magno Martins. 

Enviar comentário

voltar para Blog

bdt b02|left|||||login news bdt b02|bdt b02|bdt b02|login news bdt b02|b02 bdt|bdt b02|content-inner||