Justiça nega ação contra reajuste e mantém aumento do metrô

Publicado em 17/05/2018 às 14h00
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem

O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) decidiu negar nessa quarta-feira (16) uma ação popular que pedia a suspensão do reajuste 87,5% na tarifa do metrô do Recife, em vigor desde sexta-feira (11).

O juiz Carlos Gean Alves dos Santos, da 9ª Vara Cível da Capital, considerou em sua decisão “que os serviços estão sem reajustes há vários anos e a ausência de correção da tarifa nesse período representou benefícios indevidos aos usuários, não havendo óbice legal ao reajustamento referente a todo o período em discussão”.

Autor da ação popular contra o reajuste, o deputado federal Betinho Gomes (PSDB) disse que respeita a decisão da Justiça, mas que discorda do posicionamento já que em Belo Horizonte, em Minas Gerais, houve uma ação semelhante e o resultado foi a suspensão do aumento.

O parlamentar afirmou ainda que vai recorrer da decisão, enquanto tenta fazer com que o governo federal aceite uma proposta de escalonamento do reajuste, o que faria o aumento não ser dado de uma vez só.

“Estamos aqui, em Brasília, pressionando o governo a acatar a proposta de escalonamento que estava sendo construída, na semana passada, junto ao Ministério de Planejamento”, afirmou o tucano.

Fonte:Blog do Jamildo.

Enviar comentário

voltar para Blog

bdt b02|left|||||login news bdt b02|bdt b02|bdt b02|login news bdt b02|b02 bdt|bdt b02|content-inner||