Marcelo Gouveia tornou-se a maior liderança da Mata Norte

Publicado em 14/01/2019 às 11h00

Eleito em 2016 para a prefeitura de Paudalho com 61,42% dos votos válidos, Marcelo Gouveia conseguiu imprimir um ritmo de gestão que o diferenciou dos demais prefeitos da Mata Norte e de cidades próximas da sua região, como Limoeiro, que elegeu um prefeito mal-avaliado e que até o presente momento não apresentou ações efetivas para o município. Os dois primeiros anos foram de muitos investimentos, mais de R$ 80 milhões foram conquistados para Paudalho, que fizeram da  cidade o maior canteiro de obras da região.

Aos 33 anos de idade, Marcelo é de longe a maior revelação dos prefeitos da Mata Norte, conseguindo mostrar que sua força não advém apenas de uma gestão de resultados, mas também de muita articulação política. Nas eleições de 2018 decidiu lançar o seu irmão, Gustavo Gouveia para a Assembleia Legislativa de Pernambuco, e contrariando alguns prognósticos, fez de Gustavo o deputado mais votado do chapão da oposição, com 50.058 votos, dos quais, mais de 30 mil foram somente na sua região.

Na disputa majoritária, Marcelo conseguiu que Mendonça Filho e Bruno Araújo fossem os mais votados de Paudalho, desbancando os eleitos Humberto Costa e Jarbas Vasconcelos. É indiscutível a força do prefeito numa região historicamente ligada ao PSB, que é a Zona da Mata, e fica latente o seu protagonismo na política não só para as eleições de 2020 quando certamente tentará a reeleição, como também para 2022 quando terá seu nome lembrado para disputar um mandato de deputado federal.

Experiência – Responsável por diversas campanhas vitoriosas, Bruno Oliveira desempenhou um importante papel na eleição do deputado estadual Guilherme Uchoa em 2018, a expectativa é que ele seguirá integrando a equipe do deputado, possivelmente como chefe de gabinete para ajudar a atender os eleitores e os doze prefeitos liderados pelo deputado.

Floresta – Diante da baixa avaliação do prefeito de Floresta, Ricardo Ferraz, aliados da ex-prefeita Rorró Maniçoba defendem que ela dispute a prefeitura no ano que vem. Rorró governou a cidade por dois mandatos, tendo sido eleita em 2008 e reeleita em 2012, nas eleições de 2014 emplacou Kaio Maniçoba na Câmara dos Deputados.

Força – Por falar em Floresta, a cidade tem conquistado grande protagonismo na política. Em 2010, Rodrigo Novaes elegeu-se deputado estadual com 27.328 votos. Em 2014, Rodrigo foi reeleito com 64.456 votos, e Kaio Maniçoba elegeu-se federal com 28.585 votos. Nas eleições de 2018, Rodrigo conquistou o terceiro mandato com 65.869 votos, enquanto Fabrizio Ferraz elegeu-se deputado estadual com 17.729 votos, e Kaio Maniçoba ficou na primeira suplência de deputado federal com 61.287 votos, mais do que dobrando sua votação em relação a 2014.

Lançamento – Para incentivar os jovens de baixa renda a ingressarem em universidades públicas, o governador Paulo Câmara lançará, nesta segunda-feira, a edição 2019 do Programa de Acesso ao Ensino Superior – PE no Campus. Serão disponibilizadas mil bolsas, sendo 900 para os estudantes que optarem por concorrer por meio da nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e 100 para os que escolherem concorrer por meio das notas obtidas nas três etapas de avaliação do Sistema Seriado de Avaliação (SSA) da Universidade de Pernambuco (UPE).

Escalando errado – O governador Paulo Câmara pode até acertado em fazer as mudanças em Suape, porém a nomeação de seu primo Luiz Alberto Silveira Barros, que atuava como Coordenador de Desenvolvimento de negócios, para a Diretoria de Relações Institucionais é um tiro errado. É como um treinador escalar Neymar no gol. Seu primo é conhecido em Suape pela soberba e, por prevalecer-se de seu parentesco com o governador para subjugar servidores e comissionados.

RÁPIDAS

Arcoverde – O deputado federal Zeca Cavalcanti irá se dedicar a atividade da medicina após encerrar seu mandato no próximo dia 31. Duas vezes prefeito de Arcoverde, e deputado federal, Zeca construiu uma trajetória vitoriosa na política, e agora decidirá se voltará a disputar a prefeitura em 2020 na sucessão da prefeita Madalena Britto.

Liberdade – Após várias tentativas, a defesa do prefeito do Cabo de Santo Agostinho, Lula Cabral, conseguiu junto ao ministro Dias Toffoli a sua liberdade. O presidente do STF substituiu a pena por medidas cautelares que serão anunciadas pela justiça.

Inocente quer saber – Renan Calheiros será mesmo o presidente do Senado?

Fonte : Blog Edmar Lyra.

Enviar comentário

voltar para Blog

bdt b02|left|||||login news bdt b02|bdt b02|bdt b02|login news bdt b02|b02 bdt|bdt b02|content-inner||