Na indefinição, MDB-PE corre o risco de encolher

Publicado em 09/03/2018 às 13h00

O PMDB de Pernambuco não recebe adesões e ainda pode perder os quadros que tem

É difícil a situação do MDB nacional devido ao envolvimento de muitos dos seus líderes em escândalos de corrupção, mas a do MDB pernambucano é ainda pior. A secção regional não tem envolvimento com malfeitos. Mas, em compensação, envolveu-se numa batalha jurídica pelo controle da legenda, cujo desfecho é imprevisível. Na última segunda-feira, por exemplo, o juiz Otoniel Ferreira dos Santos expediu uma sentença liminar determinando a suspensão de todos os atos relativos à intervenção no diretório estadual, anunciada em dezembro último pelo presidente Romero Jucá. Ontem, 72 horas após sua decisão, o juiz da 26ª Vara Cível da capital, Alberto Alfredo de Sousa, tornou sem efeito a liminar, acolhendo recurso do diretório nacional. O recurso se fundamenta na jurisprudência do TSE, segundo a qual, em questões partidárias, a Justiça não se mete. É problema da economia interna dos próprios partidos. A notícia não poderia ter sido pior para o grupo que comanda o partido, embora ainda caibam recursos às instâncias superiores, porque estamos em ano eleitoral. Não dá para ficar eternamente sem saber se Raul Henry permanecerá na presidência ou se será substituído pelo senador Fernando Bezerra Coelho. Até que isto se defina, o partido não consegue crescer e ainda corre o risco de perder o deputado federal Kaio Maniçoba, os deputados estaduais Tony Gel e Ricardo Costa e os vereadores Jayme Asfora e Aline Mariano, ambos candidatos a deputado estadual.

O reinado do lulismo

Nem o fato de o ex-presidente Lula estar na iminência de ser preso, abala o prestígio do “lulismo” em Pernambuco. Pesquisa do Instituto Múltipla (Arcoverde) realizada em todo o Estado entre os dias 2 e 6 deste mês de março revela que o ex-presidente teria hoje 66,5% dos votos dos pernambucanos para presidente da República. Em janeiro, esse percentual era 63%.

Performance – Marília Arraes (PT), que se encontraria ontem com o ex-presidente, em SP, aparece nessa mesma pesquisa com até 21% das intenções de voto pra governadora, dependendo do cenário. Ela tem 27,8% no Recife, embora só seja conhecida por 47% dos pernambucanos.

Vai mesmo? – Foi concorridíssimo o lançamento, ontem, da candidatura de Rodrigo Maia (DEM) à Presidência da República, provando que o “centro democrático” está carente de líderes. Ele tem apenas 1% de intenções de votos, mas garante que não desistirá. A conferir.

Líder jovem – O ex-prefeito de Bom Jardim, Miguel Barbosa, assumiu o comando do setor jovem do partido a convite do presidente regional Eduardo da Fonte.

Dobradinha – Marinaldo Rosendo (PP) vai disputar a reeleição para a Câmara Federal fazendo dobradinha com a irmã, Marileide (“Balazinha”), que é vereadora em Timbaúba.

Voo solo – Caso não seja aceito como candidato a senador nem pela Frente Popular nem pelo bloco de oposição liderado pelo senador Armando Monteiro (PTB), o deputado André Ferreira (PSC) pensa em disputar em faixa própria, mirando os votos dos evangélicos.

Fonte :Blog de Inaldo Sampaio

Enviar comentário

voltar para Blog

bdt b02|left|||||login news bdt b02|bdt b02|bdt b02|login news bdt b02|b02 bdt|bdt b02|content-inner||