Privatização da Eletrobras: Tadeu critica Rodrigo Maia

Publicado em 04/01/2018 às 09h15
Deputado federal Tadeu Alencar (PSB-PE)
Deputado federal Tadeu Alencar (PSB-PE)Foto: Chico Ferreira/Divulgação

O deputado federal Tadeu Alencar (PSB) criticou a postura do presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM), que defendeu a privatização da Eletrobras, a partir da apresentação de um projeto de lei. Presente no enterro do ex-ministro Armando Monteiro Filho, nesta quarta-feira, o democrata afirmou que a “gestão privada é melhor do que a gestão pública” e, por isso, é “completamente a favor da venda”.

Em sua visita ao Recife, Rodrigo Maia colocou que a privatização da Eletrobras não deve ser feita a partir de um decreto presidencial. Na sua visão, a aprovação de um projeto de lei seria mais rápida. “Mande um projeto de lei que a gente vai discutir rapidamente, mais rápido do que a medida provisória e vamos aprovar. E vai ter o meu apoio porque ela privatizada vai ser mais eficiente para o Brasil do que ela pública, da mesma forma que foi a Vale do Rio Doce e tantas outras ex-estatais. Agora por medida provisória não é correto que a sociedade não seja ouvida antes entre seus representantes que estão na Câmara dos Deputados”, disse.

Em resposta, Tadeu Alencar condenou a privatização da estatal, mas concordou com tese de que o projeto de lei é o melhor caminho para debater a medida. “Nem tudo que é público é bom e nem tudo que é privado também. Tenho respeito por Rodrigo Maia. É um homem de diálogo e compreende que não se pode levar adiante a ideia do decreto. Mas divergimos no mérito. Privilégio é para ser combatido com boa governança e não vendendo um ativo que vale mais do que está sendo colocado”, ressaltou.

Fonte :Blog da Folha de PE.

Enviar comentário

voltar para Blog

bdt b02|left|||||login news bdt b02|bdt b02|bdt b02|login news bdt b02|b02 bdt|bdt b02|content-inner||