Recife terá ato de mulheres contra Jair Bolsonaro

Publicado em 14/09/2018 às 06h00

EVARISTO SÁ/AFPO candidato do PSL é líder nas pesquisas de intenções de votos e tem conquistado reações negativas entre as mulheres

EVARISTO SÁ/AFP

A mobilização de um grupo no Facebook com mais de 1 milhão de mulheres que se colocam contra a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) à Presidência da República vai sair do âmbito virtual e ganhar as ruas do país no próximo dia 29 de setembro. De acordo com a organização, o dia foi escolhido para a realização de manifestações do “Mulheres unidas contra Bolsonaro”. No Recife, o ato será a partir das 14h, com concentração na Praça do Derby, área central da capital pernambucana.  

Segundo a doula Marina Moura, uma das organizadoras do ato no Estado, a intenção é reunir o maior número de mulheres possíveis para confeccionar cartazes contra a eleição de Bolsonaro, fazer discursos argumentativos e, por volta das 15h, sair em marcha pelas Avenidas Governador Carlos de Lima Cavalcanti, Conde da Boa Vista e Guararapes, até a Praça da Independência. 

“Assim como todas as mulheres envolvidas, esperamos que esse ato, possa conscientizar de alguma forma as mulheres, cis, trans, e toda a sociedade contra o machismo já instalado, e principalmente a forma que o candidato se comporta em relação a nós mulheres”, ressaltou Marina. “Já lutamos contra o machismo todos os dias, não aceitaremos ser representada por um machista [na Presidência]”, completou. 

Além do protesto contra Bolsonaro, durante o ato também ocorrerá a arrecadação de alimentos e brinquedos para as crianças. Outros atos também já estão marcados para acontecer no Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Porto Alegre. 

O candidato do PSL é líder nas pesquisas de intenções de votos, chegando a oscilar entre 22% e 33%. A mobilização dessas mulheres nas redes sociais contra ele ganhou ênfase nos últimos dias. O grupo no Facebook, além de diálogos sobre outras opções de candidaturas presidenciais, desabafos sobre atos de machismo e repressões sofridas por adeptos a Bolsonaro também são relatadas.

Fonte :Leia Ja.

Enviar comentário

voltar para Blog

bdt b02|left|||||login news bdt b02|bdt b02|bdt b02|login news bdt b02|b02 bdt|bdt b02|content-inner||