Acordo aperfeiçoará sistemas de gestão de pessoas das Justiças Eleitoral e do Trabalho

Publicado em 06/06/2018 às 18h00
Ministros Luiz Fux e Brito Pereira, durante assinatura do acordo de cooperação entre o TSE e o CSJT

Os presidentes dos Tribunais Superiores Eleitoral (TSE) e do Trabalho (TST), respectivamente Luiz Fux e João Batista Pereira, firmaram hoje (4/6) acordo de cooperação técnica com o objetivo de aperfeiçoar a gestão de recursos humanos nas duas cortes.

O documento prevê a realização de ações conjuntas destinadas ao aprimoramento dos sistemas informatizados de ambos os tribunais, e também do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT). O acordo envolve também a cessão de uso (códigos-fonte, estrutura de dados e documentação) e a transferência de tecnologia entre os órgãos signatários.

Segundo o documento, caberá ao TSE ceder seu Sistema de Gestão de Recursos Humanos (SGRH) ao CSJT, que ficará autorizado a repassá-lo aos demais órgãos da Justiça do Trabalho e a outros integrantes do Poder Judiciário com interesse em utilizá-lo. O SGRH começou a ser desenvolvido em 1996 numa parceria entre as equipes de tecnologia da informação e de gestão de pessoas.

O CSJT, por sua vez, deverá disponibilizar ao TSE alterações, correções ou evoluções feitas por órgãos da Justiça Trabalhista no Sistema Integrado de Gestão de Pessoas da Justiça do Trabalho (SIGE-JT/CSJT) para eventual análise de aproveitamento pela Justiça Eleitoral.

Para o presidente do TSE, a assinatura do acordo beneficia a Justiça como um todo. “É extremamente gratificante servir também à Justiça do Trabalho. Porque a Justiça é única, é indivisível. Somos todos servidores do Brasil”, disse. “Creio que vamos colher bons frutos desta parceria”.

Fux agradeceu às equipes das instituições envolvidas na iniciativa pelo esforço conjunto. “Os sistemas continuarão evoluindo e incorporando novos recursos, trazendo maior eficiência à gestão pública”, destacou. 

O presidente do TST agradeceu a Justiça Eleitoral pela cessão anterior do sistema, que agora poderá ser aprimorado por meio do acordo. “O TSE nos cedeu seu projeto, e a Justiça do Trabalho ousou acrescentar novas funcionalidades. Estamos aqui para prestar contas e para entregar nosso projeto renovado. Assim, seguimos juntos nesta caminhada”, afirmou.

Homenagem

Ao final da cerimônia de assinatura do acordo, Luiz Fux recebeu a comenda da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho. Na cerimônia, o presidente do Tribunal Superior do Trabalho ressaltou a honra de ter seu colega de magistratura no quadro de agraciados da Justiça do Trabalho. “Contamos agora no rol dos agraciados com um juiz, um jurista, um cidadão, que produz e revela o Direito. Esta comenda é o nosso reconhecimento a um operário do Direito”, afirmou.

Fonte: TSE.

Enviar comentário

voltar para Blog

bdt b02|left|||||login news bdt b02|bdt b02|bdt b02|login news bdt b02|b02 bdt|bdt b02|content-inner||