Cleiton Collins tem a faca e o queijo para seguir presidindo a Alepe

Publicado em 07/07/2018 às 17h00

No exercício da presidência da Casa desde o último dia 3 quando houve o falecimento do ex-presidente Guilherme Uchoa, o deputado Cleiton Collins disputará o cargo de presidente sentado na cadeira, cabendo a ele pautar a data da eleição, e com a retaguarda de dezesseis votos das bancadas do PP, seu partido, e do PR, que sinaliza apoio ao seu projeto.

Consultado por parlamentares sobre a eleição da mesa e da ampliação do espaço do PP, o governador Paulo Câmara sinalizou não haver nenhum óbice para que o partido siga presidindo a Alepe, pois na sua avaliação o PP não lhe causa nenhum problema. Esta posição do governador foi interpretada por deputados como um sinal verde do Palácio para que Cleiton Collins possa se viabilizar como nome para exercer um mandato-tampão até 1 de fevereiro de 2019, quando serão empossados os novos deputados e consequentemente será eleita uma nova mesa diretora.

Na avaliação dos deputados, com o apoio do PP e do PR e com o aval do PSB e mais alguns partidos da bancada governista, ainda que exista bate chapa, Cleiton Collins tem tudo para atingir até 30 votos, e com a sua renúncia à vice-presidência para disputar o cargo de presidente, ainda haverá condição de negociar a vice com a própria base governista, uma vez que o PP já ocupa três cargos na mesa com o próprio Cleiton, Eriberto Medeiros e Vinícius Labanca.

Cleiton já se movimenta entre seus pares, e mesmo tendo uma ou outra restrição de colegas, ele é tido como alguém que dificilmente criaria problemas tanto para o governador quanto para os deputados, uma vez que tem um estilo sereno e bastante conciliador na Casa. Além de Cleiton, só existem dois nomes que estão reunindo condições de disputa, que são Eriberto Medeiros e Alberto Feitosa, mas eles só terão qualquer chance se Cleiton errar muito, pois tem mecanismos de sobra para seguir na presidência.

Sergio Leite – Figura muito querida pelos seus pares na Alepe, com a morte de Guilherme Uchoa, Sergio Leite voltou ao cargo de deputado estadual. Além de garantir sete meses como deputado, Sergio disputará o mandato em outubro com melhores condições para seguir na Casa em 2019. No PSC suas chances de vitória são muito boas, pois é uma das chapas que precisarão de menos votos em outubro para ser eleito.

Promessa – O pré-candidato a governador Armando Monteiro durante sua passagem por Arcoverde prometeu levar a duplicação da BR-232 até o município. Esta promessa também foi feita pelo atual governador Paulo Câmara na campanha de 2014, mas até o presente momento não se concretizou, causando muitas reclamações de eleitores.

Estadual – Apesar de não ter anunciado oficialmente, na Alepe todos dão como certa a decisão de Junior Uchoa de ser candidato a deputado estadual em vez de federal. Teria pesado a favor deste desfecho a necessidade de ficar mais próximo da mãe, dona Eva Uchoa, e poder ter maior controle do mandato, uma vez que não ficaria tão dependente das articulações de Brasília.

Espelho – A provável decisão de Junior tem espelho no próprio posicionamento do pai Guilherme Uchoa. Ele teve condições políticas e eleitorais de ser deputado federal, mas nunca quis trocar a Alepe pela Câmara dos Deputados porque sabia que assim que fizesse a troca deixaria de ser um político relevante na Casa Joaquim Nabuco para ser mais um parlamentar em Brasília.

Candidatura – Em Arcoverde muita gente já dá como certa a pré-candidatura de André Britto a deputado estadual. Caso se confirme a postulação, ele reunirá todas as condições de ser o deputado eleito pelo PROS, uma vez que a prefeita Madalena Britto realiza uma gestão bem-avaliada e será uma importante eleitora no município e na região.

RÁPIDAS

Força – O deputado estadual Rodrigo Novaes (PSD) deverá consolidar-se como um dos mais votados da Frente Popular. Rodrigo além de ser um excelente parlamentar, se faz muito presente nas bases. Na eleição passada ele obteve 64.456 votos e há quem afirme que ele novamente ampliará sua votação.

Salto – Entre os vereadores do Recife que tentarão mandato na Assembleia Legislativa de Pernambuco, o primeiro-secretário da Casa José Mariano Marco Aurélio (PRTB) é o que tem reunido as melhores condições de disputa. Ele tem ampliado suas bases e vem ganhando credibilidade entre seus apoiadores por estar cumprindo à risca todas as ações que prometeu, isso tem lhe diferenciado de seus concorrentes.

Inocente quer saber – Num eventual embate entre Alberto Feitosa e Cleiton Collins quem vence a disputa pela presidência da Alepe?

Fonte : Blog Edmar Lyra.

Enviar comentário

voltar para Blog

bdt b02|left|||||login news bdt b02|bdt b02|bdt b02|login news bdt b02|b02 bdt|bdt b02|content-inner||