Riacho das Almas – Presidente da Câmara fala sobre rompimento com o prefeito

Publicado em 11/01/2019 às 18h00
Riacho das Almas – Em participação no Cidade em Foco da Rede Agreste de Rádios, o presidente da Câmara de Vereadores de Riacho das Almas, Getúlio Cardoso (Rede), falou sobre o seu rompimento com o prefeito Mota (PSB), fez um balanço de sua atuação como vereador e pregou mudança na gestão da cidade.
 
Vereador mais votados no último pleito, Getúlio falou sobre as razões que lhe levaram a ser candidato. “A gente sempre foi militante política, gosta muito da política e acredita muito que através da política a gente consegue melhorar nossa cidade. Como candidato, foi a primeira vez, tivemos essa expressiva votação, foram 1.439 votos, sendo o vereador mais votada da história de Riacho das Almas”, disse.
 
Críticas – Na oportunidade, o vereador criticou fortemente a gestão do prefeito Mota (PSB), seu ex-aliado político. “Fui militante do prefeito em duas eleições. Sempre defendemos e acreditávamos que Mota seria realmente diferente, acreditávamos que ele seria o melhor para Riacho das Almas. Depois que passamos a ser vereador e cobrar, começamos a ver direito o orçamento da cidade, as obras que chegava e não acabava, então fomos vendo essas coisas”, declarou.
 
Incômodo – De acordo com Getúlio, o prefeito se incomodou com o seu potencial eleitoral na cidade. “Passou a incomodar ele, antes mesmo do resultado das urnas, acho que ele viu que a gente ia ter muito voto e isso passou a incomoda-lo, as pessoas começaram a pedir já que eu fosse o candidato para suceder ele no grupo. A gente sempre gostou de ser um vereador atuante e ele começou a não aceitar essas coisas”, destacou.
 
Presidência – O mesmo foi recentemente empossado como presidente da Câmara de Vereadores com o apoio da bancada de oposição. Durante a entrevista, Getúlio agradeceu o apoio dos vereadores e destacou a lideranças de Dioclécio Filho na cidade. “A gente começou a conversar com Dioclécio Filho, foi abraçado por ele e pelo grupo. Quero aqui agradecer aos vereadores que me elegeram presidente da Casa”, afirmou.
 
O vereador ainda falou sobre as articulações de Mota para que o mesmo não chegasse ao comando do Poder Legislativo Municipal. “Ele usou de tudo que podia, para que não acontecesse a eleição da Câmara, porque a gente ia ganhar a eleição. Na reta final, ele começou a política nojenta, chegava nos vereadores da oposição e dizia, ‘quer ser o presidente? Se quiser, você tem os cinco votos, só não pode ser o vereador Getúlio’. Então eu e Riacho das Almas se pergunta, que medo é esse que tem o prefeito que Getúlio Cardoso chegasse a presidência da Câmara?”, questionou.
 

Se ligue – O programa “Cidade em Foco” vai ao ar de segunda a sexta-feira: 11:00 hs, na Rede Agreste de Rádios, composta pelas Emissoras: Rádio Filadélfia FM (104,9), Farol FM (90,5), Rádio Santa Cruz FM (98.5), Rádio Cambucá FM (104.9) e pela Internet: www.filadelfiafm.net

Fonte: Blog Ponto de Vista

Enviar comentário

voltar para Blog

bdt b02|left|||||login news bdt b02|bdt b02|bdt b02|login news bdt b02|b02 bdt|bdt b02|content-inner||